terça-feira, 13 de junho de 2017

Agorafobia

 

 Gotta let my mind find another space.
So if you're gonna hurt me
Why don't you hurt me a little bit more?
["Hurt Me" - Låpsley]


Alguém mais se sente culpado quando eles ficam dentro de casa o dia todo? Eu me sinto um lixo agora porque eu deveria estar na rua com meus amigos ou tentando arrumar um emprego. I just can’t now. Eu tenho medo de ir lá fora, agora. Na maior parte dos dias eu consigo sair de casa mesmo que eu me sinta muito ansiosa sobre isso. But I just can’t today. Entretanto, agora que vejo que passei o dia inteiro dentro da casa, eu me sinto mal, eu me sinto mal como se eu tivesse desperdiçado meu dia. Eu deveria estar fazendo algo produtivo.

Sim. Eu me sinto limitante quando eu escrevo alguma coisa, porque pode parecer que eu sou preguiçosa e não estou trabalhando. Agora, meu marido deficiente físico tem que fazer viagens ao mercadinho sozinho porque eu não posso. I just can’t get out. E eu me sinto culpada e inútil.

Três da manhã e estou acordada. O gato decidiu trazer seus brinquedos para cima da minha cama para que eu possa brincar com ele. São pompons e ele adora procurar por eles. Eu jogo um no corredor. Quando ele traz de volta está encharcado. Eu acho que ele parou perto do pote de água e bebeu e colocou o pompom na água. Então, agora, eu tenho um pompom úmido em cima da minha cama. Gato maluco.

Agoraphobia by Ellia
 
Eu me sinto über culpada o tempo todo. Meus filhos querem ir cá e lá e em todo lugar e eu fico... Ah, não, está fechado hoje... Eu tento really hard sair com eles porque eu sei que é foda ficar trancado em casa, ainda mais num apartamento dois quartos de fundos. Eles literalmente correm em círculos e se batem contra a parede até que eu, ah, beleza, vamos. Infelizmente, agora, está super quente lá fora, então fica mega difícil ir até o parque.

Não. Minha família faz eu me sentir assim. E eu não sinto que desperdicei o meu dia porque é normal pra mim estar on e off por dez anos. Mas, mesmo que isso, agora, soe contraditório, eu realmente acho, às vezes, quem dera eu pudesse sair como as pessoas normais. Isso não é viver. 

Bem, eu finalmente desisti e fiz a ligação para o CVV. Medicamentos e terapia não têm ajudado e o tempo está running out, o dinheiro e a paciência, também. Eu não trabalho há mais de um ano e eu tenho um bebê para cuidar sozinha. Alguém tem algum conselho? Eu estou surtando porque eu conheço pessoas que ligaram para lá inúmeras vezes. Eu tive sorte. Eles perguntam: como vai você? Mas eu não posso estar lá fisicamente. E eu não sei se isso é bom ou ruim.


 

0 utopias:

Postar um comentário

Caixa de sentimentos. Expresse-se.